Nossa aldeia

foto (13)Esses versos me lembram demais a minha infância, quando meu pai me dizia que eu era a mais especial, a mais esperta, a mais linda… E completava declamando o poema do Tejo haha.

Mas tem como negar as razões de Alberto Caeiro e meu pai? Especiais são os nossos, mesmo que rios maiores e mais belos existam aos montes pelo mundo =)

Nossa família, nossa casa, as pessoas queridas à nossa volta ou mesmo aquele restaurante que não está nos guias estrelados, mas que frequentamos há anos, sempre nos sentindo em casa: tudo isso ganha de qualquer propaganda de margarina ou página de revista.

2 comments to “Nossa aldeia”

Você pode deixar um comentário ou Trackback para esse texto.

  1. Renan Medeiros (R.M.Owl) - 11 de novembro de 2014 at 15:27 Reply

    Oooohhh post nostálgico, meu Deus 🙂

    Fez minha mente viajar por entre as lembranças mais longínquas da minha infância. Infelizmente todos os ambientes q eu amava na infância já não existem mais. E os que existem não tem o mesmo clima.

    o jeito é me contentar com a lembrança

  2. Liliane Prata - 11 de novembro de 2014 at 18:57 Reply

    Tô super nostálgica esse dias! É a proximidade do Natal, acho!

Deixar comentário

Your email address will not be published.