Interpretação de texto

Creative-VectorsNuma prova de interpretação de texto, numa citação, numa aula de português,

o autor cala e o leitor fala rouco: o que importa é o que o texto diz, o que está no texto, o que é respaldado pelo texto.

As interpretações são ancoradas nas linhas: se não me autorizam a afirmar que Bentinho era um anjo, que Brás Cubas, na verdade, estava vivo, então Bentinho não era, então Brás Cubas não estava.

Porém, na solidão acompanhada da minha sala, na cumplicidade estabelecida entre o meu dentro e as páginas, nas linhas que jorram em mim e no mim que jorra nas linhas,

uma árvore pode me levar até a minha avó, uma história sobre amor pode fazer renascer as minhas dores, uma frase densa pode me trazer uma memória aerada, a descrição de um bolo pode me lembrar de alguém.

Fora das interpretações de texto, sobram as interpretações da alma, e a alma, todos sabem, gosta de liberdade: já não importam tanto as páginas, importa a cadeia pessoal de sentido que cada um tem e cada um dá.

2 comments to “Interpretação de texto”

Você pode deixar um comentário ou Trackback para esse texto.

  1. Luiza Voll - 23 de outubro de 2013 at 15:17 Reply

    Amo amo amo seu blog!

    Feliz aniversário atrasado, querida!

    Muitas felicidades!

    Um beijo e saudades!

Deixe uma resposta para Liliane Prata Cancelar resposta

Your email address will not be published.