Conto ou não conto?

Há algum tempo, uma amiga me ligou com um tom de voz de “lá vem bomba” e me chamou para um café. Assim que nos encontramos, ela soltou: tinha traído o namorado e não sabia se contava ou não para ele. É claro que nós, os amigos, não somos um oráculo e, nesses casos, tento […]

Algumas digressões sobre o todo

Não sei, tem uma hora que você simplesmente percebe que não existe solução que solucione o mundo, as pessoas, as coisas; não tem uma saída, inexiste uma chave, e esse dia é como o Samba do Grande Amor, do Chico Buarque: exijo respeito, não sou mais um sonhador. As pessoas vão percebendo ao longo da […]

O último recurso

Você brigou com um amigo de longa data, a promoção esperada não veio, o amor eterno acabou: seja qual for a situação, se você quer saber se está realmente mal, é só reparar se, para se sentir um pouco antes do fim da linha, recorreu ao que eu chamo de “o último recurso”. O último […]

Sobre médicos e cozidos

Dia desses, uma amiga minha, médica, veio a um congresso em SP e se hospedou na minha casa. A Edi, diarista daqui de casa, comentou: – Então vou fazer cozido. Médico adora comer cozido. Não eram nem nove da manhã e eu não queria polemizar, mas acabei perguntando: – Hã? – Médico gosta de cozido. […]

Muriel: a história por trás

Um livro de ficção sempre conta uma história. E, por trás dessa história, sempre tem outra – a do autor escrevendo aquele livro. Quando vejo, do meu lado, a pilha de livros impressos, prontos, novinhos, na caixa que a editora Planeta me mandou semana passada, até demoro um pouco para me lembrar de como era […]