Sobre como é frustrante falar com pessoas ocupadas

Segunda à tarde, ligo para o trabalho do meu irmão para dar um oi.
Irmão: Alô.
Eu: Oi! Sou eu.
Irmão: Eu quem?
Eu: Eu, Rodrigo.
Irmão: Ah! Hehe… Tudo bom?
Eu: Tudo, como foi seu final de semana?
Irmão: Desculpe, quem é, mesmo?
Eu: Rodrigo, sério, sou eu, sua única irmã.
Irmão: Ah… hehe… então, você perguntou o quê? O que eu comi hoje?
Eu: Como. Foi. Seu. Final. De semana.
Irmão: Final de semana? Ah… Foi legal… ontem fui a um churrasco…
Eu: Churrasco de quem?
Irmão: Não, não li ainda…
Eu: Leu o quê? Rodrigo, sério, o que você tá fazendo?
Irmão: Hahaha… tô ocupado… Vou desligar, Lili, desculpa, depois leio o que você pediu, sem falta.

Deixar comentário

Your email address will not be published.