Sobre como meus amigos são peculiares

Meu celular toca.

Eu – Alô.
Meu amigo Paulo – Oi, Lili!
Eu – Oi, Paulooo!
Paulo – Bom, deixa eu falar rápido que é interurbano. Vou para São Paulo na semana que vem, passar um final de semana, olha que legal. Vou ficar na sua casa, tá?
Eu – Claro, vai ser ótimo.
Paulo – Vai, não vai? Ah, mas acho que não vou passar só um fim de semana, não, vou passar uns cinco dias aí.
Eu – Sem problemas!
Paulo – Na verdade estou querendo ficar dez dias aí. Tudo bem?
Eu – Tudo bem.
Paulo – Ah, e o Daniel, o Bruno e a Fernanda vão também, tá?
Eu – Paulo, dá para falar quantas pessoas vão ficar na minha casa e por quanto tempo?
Paulo – Lili, querida, tô dando interurbano em celular, depois a gente se fala… Beijo.
Bom. Semana que vem, aguardo na minha casa não sei quantos amigos, não sei por quanto tempo e principalmente não sei em que cômodo.

Deixar comentário

Your email address will not be published.